Caminhoneiro – Song and Lyrics by Adriana Calcanhotto

0
86

Discover the poetic beauty in ‘Caminhoneiro’ by Adriana Calcanhotto. This lyric breakdown takes you on a journey through the artist’s thoughts, emotions, and the story they aim to tell. From clever metaphors to evocative imagery, we delve into the nuances that make this song a lyrical masterpiece. Whether you’re a fan of Adriana Calcanhotto or a lover of well-crafted words, our detailed analysis will give you a deeper understanding and appreciation of this song.

Todo dia quando eu pego a estrada
Quase sempre é madrugada
E o meu amor aumenta mais
Porque eu penso nela no caminho
Imagino o seu carinho
E todo bem que ela me faz
E doido pelo gosto do seu beijo
Olho cheio de desejo seu retrato no painel
E é no acostamento dos seus braços
Que eu desligo meu cansaço
E me abasteço desse mel
Eu sei
Tô correndo ao encontro dela
Coração tá disparado
Mas eu ando com cuidado
Não me arrisco na banguela
Eu sei
Todo dia nessa estrada
No volante eu penso nela
Já pintei no pára-choque um coração
E o nome dela